Monday, February 20, 2012

CURADOS PARA CONSOLIDAR


Jr 1.11 e 12 – “E veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Que é que vês, Jeremias? Eu respondi: Vejo uma vara de amendoeira. Então me disse o Senhor: Viste bem; porque eu velo sobre a minha palavra para a cumprir.”
Todos nós já recebemos promessas de Deus. Mesmo aquelas pessoas que até aqui não se dedicaram a ler a Bíblia e nem tem o hábito de frequentar uma célula, Rede ou Culto de Celebração já receberam promessas do Senhor.
O livro de Jeremias inicia com uma conversa entre Deus e o profeta. Neste diálogo o Senhor informa ao seu servo que lhe conhecia de antes de tê-lo colocado na barriga de sua mãe, e que havia lhe santificado e dado às nações como profeta.
Depois disso o Senhor leva Jeremias a passar por uma experiência e lhe pergunta o que realmente ele havia visto – um galho de amendoeira. Essa visão hoje é para cada um de nós e ela nos sara e adestra para assumirmos a missão de consolidar:
1. ADOTAR A POSTURA CERTA
A amendoeira é uma chamada para despertar, acordar, ressuscitar. Deus não nos quer dormindo, mortos para os nossos sonhos e projetos.
· Essa vegetação é a primeira que floresce entre todas as outras, é a que anuncia que a colheita está chegando. O Senhor espera que nos posicionemos desta forma, sendo anunciadores de que há uma colheita por vir. Não podemos ter uma linguagem que negue este fato.
Mc 16.15 – “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura.”
· Essa planta aponta para a escolha de Deus. Quando questionaram se Arão seria mesmo o líder que o Senhor queria para estar à frente do povo, o Eterno demonstrou a Sua preferência fazendo florescer a vara de Arão.
Nm 17.5 a 8 – “Então brotará a vara do homem que eu escolher; assim farei cessar as murmurações dos filhos de Israel contra mim, com que murmuram contra vós. Falou, pois, Moisés aos filhos de Israel, e todos os seus príncipes deram-lhe varas, cada príncipe uma, segundo as casas de seus pais, doze varas; e entre elas estava a vara de Arão. E Moisés depositou as varas perante o Senhor na tenda do testemunho. Sucedeu, pois, no dia seguinte, que Moisés entrou na tenda do testemunho, e eis que a vara de Arão, pela casa de Levi, brotara[1], produzira gomos[2], rebentara em flores e dera amêndoas maduras.”
Diante dessa visão não podemos duvidar, somos a escolha do Pai para esta missão de Consolidação.
· Essa vegetação pode já estar seca pelo tempo e uso, mas por uma ação de Deus pode ter sua história totalmente modificada.
A vara de Arão estava sequíssima em um dia, no outro, por uma obra do Senhor já estava totalmente transformada. Ela nem permaneceu com a mesma finalidade - um apoio para Arão durante a caminhada. Depois da transformação ela foi guardada na arca, pois passou a ser um sinal para as gerações.
Você pode ter chegado aqui como um galho seco e sem vida; como discípulo pode ser somente um apoio para seu líder, mas sob a ação de Deus pode vir a ser um referencial de consolidador para as gerações.
2. RESISTIR ÀS DIFICULDADES
Consolidar fala de tornar ou permanecer firme, plantado, independente das circunstâncias.
· A amendoeira desenvolve-se perfeitamente nos terrenos salgados, arenosos e resiste ao efeito dos ventos, ela é perfeita para a região de praia.
A terra salgada é por si só um limitador para muitas plantas, uma vez que desidrata as mesmas - as plantas morrem pela falta de água e as sementes não germinam. Salgar a terra era um costume que veio dos antigos romanos. Quando eles desejavam tornar um local inabitado eles faziam isso para inviabilizar a agricultura do lugar.
Trazendo para a nossa realidade espiritual e para a nossa missão de consolidades, ainda que haja uma ação de regência romana contra nós tentando “desidratar” as nossas sementes, resistiremos e prevaleceremos.
Deus nos deu a incumbência de consolidarmos vidas e a capacitação para plantarmos a Sua Palavra em terra que aparentemente é inadequada – as vidas que estão longe Dele. Mas essas “terras” apontam para a promessa – nos multiplicaremos tanto que seremos incontáveis, como as areias da praia.
Gn 22.17 – “que deveras te abençoarei, e grandemente multiplicarei a tua descendência, como as estrelas do céu e como a areia que está na praia do mar; e a tua descendência possuirá a porta dos seus inimigos;”
· A Amendoeira é uma árvore que pode atingir 35 m de altura. Ela quando adulta tem a copa bastante larga, fornecendo bastante sombra.
A Palavra nos chama para permanecermos firmes e pregarmos o Reino de Deus, dessa forma, atingiremos grandes dimensões e forneceremos sombra para aqueles que se achegarem.
Mc 4.30 a 32 – “Disse ainda: A que assemelharemos o reino de Deus? ou com que parábola o representaremos? É como um grão de mostarda que, quando se semeia, é a menor de todas as sementes que há na terra; mas, tendo sido semeado, cresce e faz-se a maior de todas as hortaliças e cria grandes ramos, de tal modo que as aves do céu podem aninhar-se à sua sombra.”
3. SER CANAL DE CURA
Certa vez, em um retiro um alimento estragado causou infecção intestinal em todas as pessoas que ali estavam inclusive no pastor responsável. Ele ficou tão abatido que não sentia disposição para ministrar. Nesse processo Deus lhe disse que ele era como um canudinho, que a cura passaria por ele enquanto ministrasse para os outros.
Aprendemos que discipulado é discípulo ao lado. Durante a caminhada somos tratados e curados.
· A planta vista pelo profeta – a amendoeira – possui folhas que são usadas como tônico e coadjuvante no tratamento de peixes ornamentais. Nelas estão presentes elementos com propriedades bactericidas, fungicidas e parasiticidas.
· Essas folham também estimulam a reprodução dos peixes, intensificam suas cores e os acalmam.
A arte de consolidação é também uma preparação, como o processo pelo qual esta folha é submetida – ela é arrancada da árvore e reservada até que seque e esteja pronta. Assim acontece conosco, somos arrancados dos nossos valores pessoais e a cada dia nos esvaziamos do nosso eu para que possamos estar prontos para cuidar de outras vidas, cuidar das multidões.
Jo 15.12 e 13 – “O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei. Ninguém tem maior amor do que este, de dar alguém a sua vida pelos seus amigos.”
No discipulado somos estimulados a nos reproduzir e nos multiplicar. Dessa forma intensificaremos as nossas cores e a nossa cobertura será evidenciada pelo grande crescimento.
· Quando as folhas secas caem na água liberam uma tintura marrom, cheia de ácidos orgânicos que abaixam o pH da água, absorvem substâncias prejudiciais e ajudam a criar um ambiente tranquilo para o peixe.
Existe uma folha que “secou”, entrou no nosso meio e liberou uma tintura, a mais forte de todas, Jesus Cristo. Ele se “desprendeu” de Seu Pai e se fez pecador em nosso lugar, derramando Seu sangue na Cruz do Calvário.
Essa tintura faz com que a água do nosso aquário (família, célula e macro célula) seja ideal para os peixes de nossa espécie.
· “Peixes que vivem ao redor da água onde as árvores de Amendoeira são achadas, são muito mais vibrantes, bonitos e saudáveis”.
Nesta Palavra o Senhor coloca a folha da amendoeira na minha realidade, daqui pra frente minhas discípulas serão muito mais vibrantes com a Obra pois receberão desta cura que se instalou na minha vida.
4. SER INSTRUMENTO DE AVIVAMENTO
Jr 1.4 a 7 – “Ora veio a mim a palavra do Senhor, dizendo: Antes que eu te formasse no ventre te conheci, e antes que saísses da madre te santifiquei; às nações te dei por profeta. Então disse eu: Ah, Senhor Deus! Eis que não sei falar; porque sou um menino. Mas o Senhor me respondeu: Não digas: Eu sou um menino; porque a todos a quem eu te enviar, irás; e tudo quanto te mandar dirás.”
A Palavra nos convoca para cumprirmos o chamado. Muitas vezes achamos que não estamos ainda prontos e por isso queremos adiar a nossa missão – consolidar as vidas.
· A madeira da amendoeira é vermelha, sólida e resistente à água, tendo sido utilizada para fazer canoas na antiga Polinésia.
A embarcação aponta para o ministério.
O Senhor nos levará numa unção onde caminharemos firmados, viveremos os milagres, adquiriremos uma resistência tão grande aos vendavais e, como canoas, estaremos sobre as águas, não afundaremos e ainda transportaremos vidas e provisões.
CONCLUSÃO:
A amendoeira recupera o vigor físico, aumenta a capacidade imunológica, é tranquilizante e intensifica as cores dos peixes. O Senhor restaurará o vigor de nossa equipe e aumentará a nossa capacidade imunológica – mesmo estando constantemente sob ataques, seremos fortalecidos, a nossa capacidade de lutar contra os invasores será ampliada.
Por outro lado, a amendoeira estimula a reprodução e diminui as baixas de alevinos nos primeiros dias de vida. Chegou o tempo da multiplicação sem limites. A folha da Amendoeira na nossa história nos estimulará a ganharmos mais vidas para Jesus e também nos dará estratégias para consolidarmos essas vidas de forma que não perderemos os nossos filhos espirituais. Estaremos amadurecidas para entender que nossos bebês espirituais precisam de muito mais cuidado logo que nascem.
Jr 1.12 – “Então me disse o Senhor: Viste bem; porque eu velo sobre a minha palavra para a cumprir”[3].
Receba a cura, descanse sabendo que Deus cuidará de tudo que lhe prometeu e cumprirá cada uma de Suas promessas, em nome de Jesus.
Ana Cunha Araújo


[1] Produzir, lançar rebentos, ramos ou flores. Nascer, surgir, desapontar, desabrochar.
[2] Botão que se transforma e folhas ou ramos.
[3] O Senhor está vigiando o que nos prometeu. Ele cumprirá!